Seja nosso investidor

 

O  potencial produtivo do PAC com destaque para a disponibilidade de 293 mil hectares, aptos para o desenvolvimento agro-produtivo e as condições ambientais (edafo-climáticas, relevo e altitude).

Com a utilização de técnicas agro-produtivas modernas e disponíveis, a área, com figurino proposto, tem um potencial de produção que pode atingir anualmente:

Existe procura plena para a produção projectada, seja para o mercado interno que importa aproximadamente 80% dos alimentos que consome, seja para o mercado externo que está em expansão devido ao crescimento da população mundial.

O PAC é um programa concebido para integrar todos os elos da cadeia produtiva, ou seja, desde os insumos (inputs) até a industrialização da produção, sob a condução da sua entidade gestora – a SODEPAC.

A designação e institucionalização da SODEPAC, além de lhe conferir o papel de agência de desenvolvimento local, proporciona ao investidor uma prespectiva de estabilidade de longo prazo, nos aspectos económicos, sociais e ambientais.

 

O PAC, cujos principais objectivos estão também inscritos em vários planos e programas governamentais de desenvolvimento económico e social, detém condições

privilegiadas para investimentos agro-produtivos, tais como:

I) Relativa proximidade do principal mercado consumidor do País (Luanda);

II) Localizado numa região particularmente bem dotada de infra-estruturas rodoviárias, ferroviárias, aeroportuárias, de energia eléctrica e recursos hídricos;

III) Infra-estruturas locais de acesso e distribuição de energia eléctrica às áreas produtivas e às comunidades;

IV) Condições ambientais (savana de altitude) similares à dos locais onde existem tecnologias desenvolvidas para agricultura em clima tropical, como é o caso da
savana noutros países africanos e da região Centro-Oeste do Brasil;

V) Infra-estruturas de investigação agronómica, uma razoável rede de capacitação de recursos humanos, serviços de apoio e extensão rural;

VI) Empreendimentos agropecuários de referência já implantados ou em implantação (Fazenda Pungo Andongo, Pedras Negras, BIOCOM, Projecto Quizenga, Projecto de Avicultura e CAM- Companhia de Alimentos de Malanje.